• Sonderzeichen
     
  • Lautschrift
     
 
leo-ptde
Werbung
Betrifft

Elogios e como os alemães são econômicos neste assunto

  
Kommentar

Uma das primeiras vezes que senti um choque cultural foi justamente quando notei que elogios aqui na Alemanha custam a sair da boca dos alemães. Claro, não podemos generalizar, mas pela minha experiência e de outras pessoas que conheço, a ligeira falta de entusiasmo ou a expressão comedida de emoções são frequentes.
Em alguns momentos eu cheguei a duvidar se estava "viajando" ou procurando pelo em ovo por não ouvir de uma chefe alemã algo positivo pelo meu desempenho, ou ao ouvir de um ex-namorado um nicht schlecht (nada mal) quando eu queria saber a sua opinião sobre algo. Eu ficava me perguntando sempre se a pessoa realmente gostou daquilo ou se tudo está tão ruim assim a ponto de não merecer o nosso famoso "ah, está bom".
Mas como toda moeda tem dois lados, elogios quando são feitos por alemães soam realmente verdadeiros. O que eu demorei para entender é que eles guardam essas palavras para ocasiões que realmente querem dar uma opinião superpositiva, o que não significa necessariamente que nunca gostem de nada, eles só medem com mais cautela as palavras que usam.
Essas sutilezas do idioma infelizmente só aprendemos convivendo com nativos e/ou morando no país. Eu diria mais, essas sutilezas da cultura que influenciam na forma como as pessoas se comunicam e relacionam, só aprendemos mesmo depois de muitos mal-entendidos e dúvidas mal resolvidas.
Uma de nossas colaboradoras, Piti Koshimura, também fala brevemente sobre o tema, mas a partir da sua experiência com a língua francesa, em que as várias formas da negação também podem confundir um ouvinte estrangeiro. Longe de fazer generalizações entre as nacionalidades, ao ler o artigo dela, eu me lembrei de situações semelhantes que passei aqui em Berlim.
Eu acredito, no geral, que nós brasileiros temos a tendência de usar adjetivos mais positivos, até mesmo quando não gostamos muito de algo dizemos um "está legal" ou "ah, está bom". Não sei se necessariamente essa forma de agir é melhor ou pior, mas com certeza é bem diferente da postura adotada pelos alemães. Isso também me leva a mencionar um outro artigo que li recentemente, sobre como o português do Brasil e o espanhol do México são línguas que utilizam mais termos "felizes", com o posto de idioma mais feliz dentre dez analisados.
Será que as pessoas são mais felizes quando elogiam mais? Uma coisa é certa, se você elogiar alguém, a chance de você receber a gentileza de volta é muito maior. Mas não se esqueça, tem de partir do coração, porque de "falsianes" o mundo está cheio!
e aqui vão alguns
Glossário:
Wunderbar: maravilhoso
Schön: bonito
Cool: legal
Super: super
Klasse: excelente
Geil: "massa" (não no Rio de Janeiro, entre jovens seria "irado")
Toll: legal
Spitze: equivalente ao nosso top
Nicht schlecht: nada mal
Gut gemacht! : bem feito!
Sehr gut: muito bom
VerfasserCARIOCA (324416) 27 Aug 17, 12:08
i Nur registrierte Benutzer können in diesem Forum posten
 
LEO benutzt Cookies, um das schnellste Webseiten-Erlebnis mit den meisten Funktionen zu ermöglichen. Es werden teilweise auch Cookies von Diensten Dritter gesetzt. Weiterführende Informationen erhalten Sie in den Hinweisen zu den Nutzungsbedingungen / Datenschutz (Cookies) von LEO.